Blog

Conheça o trabalho do Solar Meninos de Luz

Com 37 anos de atuação, ONG foi reconhecida, pela terceira vez consecutiva, entre as 100

O Solar Meninos de Luz é uma organização civil, filantrópica, que promove educação integral, cultura, esportes, apoio à profissionalização, cuidados básicos de saúde e de assistência social às famílias com maior nível de desestruturação das comunidades do Pavão-Pavãozinho e Cantagalo. Em 2020, o trabalho foi reconhecido, pelo Prêmio Melhores ONGs, pela terceira vez, um dos 100 mais relevantes do país. Quem responde às perguntas do nosso blog hoje é Guilherme Maltarolli, Diretor Institucional da instituição. Boa leitura!

Qual é a história que deu origem à ONG? Em 1983, numa véspera de natal, uma caixa d’água cede, deixando um rastro de destruição pelo caminho. Sensibilizada pelos gritos de desespero, Iolanda Maltaroli decide subir a comunidade e auxiliar na reestruturação das famílias desabrigadas. Cuidando das crianças enquanto seus pais reconstruíam seus lares, logo identificou uma demanda por uma creche, fundando, em 18 de agosto de 1991, a Creche Solar Meninos de Luz. Mais tarde, com o aumento da violência, percebeu a necessidade de oferecer uma educação integral de qualidade de modo a transformar essas crianças em verdadeiros homens de bem, capazes de, aos poucos, mudar a realidade de sua comunidade.  

Qual é o maior desafio de gestão que vocês têm hoje? E os planos para o próximo ano? Manter a equipe coesa e motivada durante esses dois anos de pandemia, e paralelamente, ampliar nossas receitas para gerenciar as despesas crescentes. Planejamos, com isso, dobrar o número de Padrinhos e Madrinhas do Coração, que são pessoas físicas que ajudam a manter a instituição regularmente. Além disso, estamos prestes a iniciar o nosso programa “Jovem Aprendiz” e trabalharmos com o ciclo completo com a formação e encaminhamento para o mercado de trabalho. Em 2022, pretendemos expandir o número de vagas, dobrando o número de alunos atendidos no Solar, começando pela educação infantil (bebês).

Conta pra gente o maior orgulho do trabalho ou uma história de voluntariado? São vários. Ver nossos alunos formados e bem sucedidos em suas vidas profissionais, tendo acompanhado eles até completarem o Ensino Médio, desde os seus 3 meses, já é um motivo enorme de orgulho para nós.  É uma vida que passam conosco e vibramos a cada vitória deles. 

E são tantas  histórias… algumas que vem como uma linda surpresa, como a de uma ex-aluna e voluntária, nossa embaixadora Manuela Bacellar, que intermediou um convênio com a Universal Music, garantindo a metade da infraestrutura de rede que possibilitou as nossas aulas híbridas durante a pandemia. Além dela, também temos o caso de uma voluntária holandesa, a Diana, que durante o seu trabalho voluntário, decidiu criar uma ONG dentro do próprio Solar e hoje, além de capacitar a conversação e capacitação profissional dos nossos alunos com aulas de Empreendedorismo, promove anualmente a ida de 2 a 4 jovens para um intercâmbio.  A educação transforma nossos alunos e suas famílias e, aos poucos, vão mudando a realidade de suas comunidades.  

Fotos: Solar Meninos de Luz

Veja também: